Arquivos do Blog

O Google Glass é ruim para os olhos?

google-glass-img

O Google Glass consegue fazer coisas fantásticas. Observe estes vídeos gravados com ele. Mas considerando o quanto seus olhos são prejudicados por olhar para telas, o Google Glass vai danificar ainda mais a sua vista a longo prazo?

O Google colocou alguns alertas aos seus possíveis consumidores no FAQ do Glass (ênfase adicionada):

O Glass não é para todos.

Como com quem usa óculos, algumas pessoas podem sentir cansaço visual ou ter dor de cabeça. Se você fez uma cirurgia Lasik, pergunte ao seu médico sobre os riscos de danos aos olhos antes de usar o Glass. Não deixe crianças com menos de 13 anos usar o Glass já que isso pode prejudicar o desenvolvimento da visão. Além disso, crianças podem quebrar o Glass e se machucarem, e os termos de serviço do Google não permitem que menores de 13 anos registrem uma conta do Google. Se o Glass não é para você e você deseja devolvê-lo, faça isso antes do fim do período de reembolso.

Então nada de Glass para crianças menores de 13 anos. Mas isso é apenas uma coisa legal com uma dose de precaução, disse o Dr. Jim Sheedy, diretor de Pesquisa Optométrica do Instituto de Desempenho de Visão Optométrica de Pacific College ao Gizmodo.

“Não vejo nenhuma razão específica para smartglasses serem prejudiciais a crianças. O alerta sobre o uso por crianças foi dado por precaução e de uma posição de prudência legal. Quando smartglasses se tornarem mais comuns, como espero que sejam, nós vamos ficar mais confortáveis com a defesa da sua utilização por crianças.”

Então ele provavelmente é ok para crianças, mas e para o resto de nós? Já olhamos para laptops, smartphones e tablets durante o dia inteiro, o que não é exatamente o ideal. Você provavelmente já sofreu com dor ocular, olhos secos e outros sintomas comuns de desconforto. Mas o Google Glass é um caso diferente. Nós passamos horas na frente dos nossos computadores, e o Google Glass foi projetado para passar menos tempo em ação. Talvez você fique o tempo todo vestindo o Glass, mas só vai usar o Glass quando precisar, seja quando você estiver respondendo uma mensagem ou ouvindo ele avisar que você precisa virar à direita na próxima rua. Não há uma tela constantemente ligada à frente das suas retinas. Na verdade, mesmo se você usar o Glass continuamente, você só teria cerca de uma hora de bateria.

Especialistas não estão muito preocupados. Sheedy diz que ele não prevê nenhum risco degenerativo do uso dos óculos e ele não vê nenhuma razão para ele causar danos para seus olhos.

O Glass tem algumas limitações que, intencionais ou não, diminuem o cansaço ocular. Por exemplo, gravações de vídeos em 10 segundos por padrão. E você pode escrever uma mensagem de texto apenas dizendo ao Glass o que quer, em vez de ter que olhar para uma tela. Deste ponto de vista, seus olhos podem preferir que você envie mensagens pelo Glass do que pela LCD do seu smartphone. Claro, vestir o Glass pode fazer você parecer um ciborgue, mas ele foi desenvolvido para tirar a tecnologia do seu caminho. É compreensivelmente difícil pensar nisso quando você está usando um computador colado na sua cara – ou olhando para uma pessoa que está. Mas isso é outra questão.

Diferentemente de qualquer problema real de visão, Sheedy diz que o risco potencial está mais relacionada com a mudança do olho de diferentes campos visuais de realidade. Quando você se move, certos receptores dizem ao seu cérebro onde você está situado. Mas quando é dado a você algum tipo de estímulo – um mapa piscando nos seus olhos, por exemplo – o cérebro fica confuso, e isso causa sintomas como tontura, ou, em casos mais extremos, náusea, o que Sheedy viu em seus estudos de 3D.

Mas os problemas de reconhecimento espacial não são algo que muitas pessoas terão. Em um recente Q&A com o Google, o oftalmologista de Harvard professor Dr. Eli Peli disse que esses problemas são provavelmente mínimos.

“Os olhos de algumas pessoas demoram mais para se ajustar a esses sistemas”, ele disse. “Isso deve ser esperado. Teorias sobre consequências sérias como confusão ou desorientação foram levantadas na mídia e tem ecos na literatura nos anos 1990, mas eram associadas com displays de realidade virtual inteiramente fechados.”

Um porta-voz do Google disse o seguinte:

“Nós estudamos design de conforto e segurança, e não descobrimos nada que cause preocupação. É algo que continuaremos observando. Estamos trabalhando com oftalmologistas no processo de desenvolvimento.”

É claro que é natural que o Google esteja otimista nesta questão. Eles estão vendendo os óculos de US$ 1.500. E para muitos de nós, isso ainda é bastante hipotético: agora o Glass está nas mãos de poucos usuários beta. Mas quando, e se, ele se tornar popular, você não deve se preocupar muito com seus olhos. O que é bom: há preocupação o suficiente com custos e privacidade para deixar você ocupado. gizmodo

Nokia tira sarro da Apple e Samsung em comercial

Nokia tira sarro da Apple e Samsung em comercial: na reprodução, fã da Apple

Não é a primeira vez que a Nokia tira sarro da Apple

O novo comercial do Nokia Lumia 920s, smartphone com Windows Phone, lançado nesta segunda-feira, 29, tira sarro da eterna briga entre Apple e Samsung. O vídeo ridiculariza algumas das principais funções dos rivais e ressalta o Nokia Lumia como opção.

O filme, que se passa num casamento, mostra um rapaz dando um passo à frente para fotografar o evento. Um usuário de iPhone, nervoso com a situação, pede para que o rapaz tire seu “telefone enorme” da frente para que ele também fotografe a cerimônia.

“Você quis dizer o enorme e maravilhoso Galaxy?”, responde outro fã da Samsung encostando seu aparelho no telefone do colega, aparentando uma troca rápida de arquivos.

Na sequência, uma mulher de meia-idade tira sarro da tecnologia, como se ela fosse a única função diferente do telefone. “Você não é um pouco jovem para usar o iPhone?”, ironiza outro fã da Samsung. Pronto, a confusão está armada.

Entre socos, pontapés, voos dignos de Matrix e um senhor tentando procurar por “Caratê” com a ajuda de seu iPhone, mas “tropeçando” no que a Siri entende, dois garçons terminam o vídeo perguntando: Será que eles parariam de brigar se conhecessem o Nokia Lumia 920?

Não é a primeira vez que a Nokia tira sarro da Apple.

Em números de vendas, se analisado o primeiro trimestre de 2013, a Nokia vendeu 5 milhões de smartphones. A Apple comercializou 37 milhões de iPhones e a Samsung distribuiu aproximadamente 70 milhões de celulares inteligentes.

Garoto de 13 anos comanda seu próprio estúdio de games

Adolescente tem títulos publicados e um deles lidera o topo dos mais baixados na App Store

Um garoto irlandês chamado Jordan Casey, de 13 anos, faz o contrário dos moleques de sua idade: ao invés de simplesmente jogar, ele desenvolve seus próprios games. Casey tem diversos títulos publicados e se prepara para lançar mais um: My Little World. Em entrevista ao siteVentureBeat, ele diz que conta com o apoio dos pais e se considera muito feliz em ver as pessoas jogando suas criações. Assista abaixo:

Seu primeiro título desenvolvido foi Alien Ball, baseado em tecnologia Flash, que serviu como apoio para aumentar suas habilidades em desenvolvimento e não foi comercializado. A partir desse primeiro protótipo, o garoto produziu uma versão do game para iOS com o nome de Alien Ball vs. Human. O aplicativo lidera a lista dos mais baixados na App Store da Irlanda.

Na sequência, Casey lançou Alien Ball vs. Humans 2 e criou GreenBoy Touch, um jogo sobre um menino perdido em uma floresta. Também entram no portfólio do adolescente Food World, um game multiplayer focado em crianças, que está em sua fase beta; e My Little World, seu último projeto, que narra a história de uma criatura que vive nos fundos de uma casa e é o único sobrevivente de sua espécie. O game deve ser lançado em junho.

Para sua mãe, Lousie Casey, o talento do filho é visto como um divertimento, e garante que ele continua indo à escola. “No momento, eu acredito que tudo é uma diversão para ele, mas nós tentamos manter o equilíbrio por causa de sua idade e pelo fato de que ele ainda está na escola. Mas, geralmente, quando ele termina suas atividades, nós o deixamos ir se divertir com seus jogos”, disse.

Casey participa de eventos, conferências e até dá palestras sobre o assunto. O jovem conta com a ajuda de um funcionário e diz destinar parte dos seus lucros à caridade. No futuro, sonha em ter a sua própria empresa de videogames. “Como eu ainda sou jovem e não posso realmente ter um escritório, quero continuar pequeno e independente. Mas, quando eu crescer, gostaria de ter uma empresa e expandir. Meu objetivo é criar jogos mais divertidos e de alta qualidade”, diz.

Google Glass | Óculos de Realidade Aumentada! Pode isso ?

O Projeto Google Glass (óculos do Google)

O Google apresentou seu mais novo projeto que basicamente é um óculos conectado a internet que se utiliza da tecnologia futurista de realidade Aumentada.

O Projeto Google Glass (óculos do Google) ainda está em fase de testes.

Aparência futurística do novo projeto do Google!

O Óculos é um dispositivo semelhante a um óculos que fixado em um dos olhos disponibiliza uma pequena tela logo acima do campo de visão. A pequena tela apresenta a seu utilizador  mapas, opções de música, previsão do tempo, rotas de mapas, além disso, também é possível efetuar chamadas de vídeo ou tirar fotos de algo que você esteja visualizando e compartilhar imediatamente através da internet.

O Projeto vem sendo mantido pelo escritório do Google X e até o dia 4 de abril de 2012 o Google Glass ainda era um projeto secreto do Google. Atualmente o Google X conta com o apoio de especialistas em alta tecnologia como Richard W. DeVaul e Babak Parviz.

O visual do Óculos do Google parece sofisticado e futurista mas não possui lente dos dois lados. Sabe-se que o Google tem fornecido os protótipos a seus colaboradores afim de poder lançar o produto ainda no ano de 2012.

O lente de projeção do Google Glass não ocupa todo o campo de visão do usuário e possui uma tecnologia de foco que permite ao observador ler seu conteúdo sem a necessidade de mudar seu foco de visão, todos esses cuidados garantem o conforto e a segurança da pessoa que utiliza a tecnologia.

O Google publicou no Youtube um vídeo que foi totalmente filmando com o novíssimo Google Glass. As cenas demonstram algumas das diversas funcionalidades que o produto está prometendo oferecer.

Se você quer saber como comprar um Google Glass, paciência, por enquanto apenas as pessoas residentes no Estados Unidos e que atendam a uma séria de critérios poderão usufurir da novidade, isso acontece porque o Google Glass está na fase final do teste pelos usuários.

Google Glass chega ao mercado ainda este ano (2013) e deve custar entre US$ 500 e US$ 1.000.

As ações do Google vêm subindo nos últimos dias, devido a euforia do mercado para o lançamento do produto.

Pessoalmente eu creio que é uma nova tendência de tecnologia, agora é esperar e pagar pra ver, Google Glass promete impressionar muita gente.

Vídeo filmado por várias pessoas que usavam o Google Glass

PlayStation 4 deve sair em novembro por US$ 429

O anúncio oficial da Sony, durante o PlayStation Meeting, acontecerá em poucas horas, então os rumores sobre o suposto PlayStation 4 se intensificam. A informação agora vem do Kotaku, que garante que o novo aparelho será lançado em novembro em duas versões.

Segundo o site, ainda não há especificações, mas, como é habitual, devem estar relacionadas ao tamanho do disco rígido e aos acessórios disponíveis. A fonte do Kotaku adianta que o PlayStation 4, no modelo mais simples, custará US$ 429 (cerca de R$ 840), e US$ 529 (R$ 1.035) para o modelo mais robusto.

Novidades sobre o controle

O site confirma os boatos de que o novo controle virá com um touchpad  e terá novo tipo de integração: será possível acessar o controle remotamente, como se fosse um smartphone ou um tablet. A novidade pode ajudar o usuário na hora de fazer compras online, enviar mensagens e acessar redes sociais. Desta forma, o console só ficaria responsável pelos downloads efetuados. Uma possível conectividade com o PlayStation Vita, atual videogame portátil da Sony, pode acontecer.

PlayStation World

Outra mudança, de acordo com a fonte, é o sistema de contas online do PlayStation, que deixará de oferecer o serviço gratuitamente e trará um sistema de assinaturas premium, chamado PlayStation World. O serviço será parecido com o que conhecemos com o Xbox 360 e a Xbox Live. Preços e detalhes não foram revelados.

PlayStation Eye

A Sony também deve apresentar durante a conferência uma nova remodelagem da câmera PlayStation Eye. Ela, agora, mais que servir como apoio para o sensor de movimentos do PlayStation Move, será usada para a realização de videoconferências e sistemas online de comunicação. O site informa que será possível “assistir a seus amigos jogando durante a partida”.

God of War para PlayStation 4

O estúdio Sony Santa Monica tuitou uma mensagem cifrada que sugere o anúncio de um novo God of War paralelo ao novo console. “O que o futuro nos espera amanhã? Ouvimos dizer que Caixas de Pandora podem ser abertas (de novo) ao vivo no palco, e isso seria incrível”, diz o texto, em referência ao objeto da mitologia grega que aparece nos jogos da série.

 

Todas essas informações devem ser confirmadas – ou não – hoje durante o PlayStation Meeting, a partir das 20h. Acompanhe a transmissão ao vivo.

Microsoft está “decepcionada” com o Google por causa do ActiveSync

Windows Phone 8X, da HTC

A Microsoft ainda não aceitou muito bem aquela história do Google encerrar o suporte do Gmail ao ActiveSync.

No mês passado, a empresa se disse “surpresa” com a decisão do Google. Agora comentou novamente o caso se declarando “decepcionada”, não parece estar disposta a fazer com que seus usuários transfiram dados das contas do Google para o smartphone com facilidade e voltou a sugerir que os usuários trocassem o Gmail pelo Outlook.com:

“Como muitos, estamos surpresos e desapontados que o Google quer tornar mais difícil para consumidores conectarem suas contas aos dispositivos. Se você quer o melhor email, especialmente para seu telefone ou tablet, agora é uma hora perfeita para se juntar aos milhões que já fizeram a escolha de atualizar para o Outlook.com. Usuários do Windows Phone ainda vão conseguir sincronizar o email do Google via IMAP.”

A Microsoft até pode estar “desapontada” com o Google, mas não deveria – e não deveria também se dizer “surpresa”. Como lembrou Chris Ziegler, do The Verge, a ação do Google estava sendo orquestrada já tinha um tempo, e a Microsoft poderia ter percebido.

“O Google ativou o suporte ao CardDAV em setembro, que foi o momento preciso que a Microsoft devia ter visto a escritura na parede. Significava que o Google finalmente tinha os três padrões abertos para suporte a email (via IMAP), calendários (via CalDav) e contatos sem precisar pagar taxas de licenciamento para a Microsoft para manter o ActiveSync vivo para servir usuários de dispositivos que não sejam Android. O Windows Phone sempre teve suporte ao IMAP, mas não tem ao DAV.”

Ou seja, desde setembro, quando o Google começou a dar suporte ao DAV, a Microsoft poderia ter percebido que havia a possibilidade do Exchange ActiveSync ser abandonado. Ela poderia ter se mexido para impedir o pior aos seus usuários. Pode ser que o CardDAV seja incluído nas próximas atualizações do Windows Phone, mas, até lá, os usuários do sistema móvel da Microsoft terão a opção de não sincronizar todos os dados com o smartphone ou, se preferirem seguir o conselho da Microsoft, vão precisar trocar de email. E nenhuma das duas opções parece muito boa.

iPhone 5 chega no Brasil dia 14 de dezembro

O iPhone 5 enfim ganhou uma data de lançamento no Brasil: 14 de dezembro. A Apple confirmou que mais de 50 países receberão o aparelho neste mês de dezembro e semana que vem ele estará nas lojas daqui.

iPhone 5

Esperando pelo Windows Phone 7.8? Microsoft avisa: ele só virá em 2013

Windows Phone 7.8

Se você tem um Nokia, Samsung ou HTC com Windows Phone 7.5, deve estar esperando ansiosamente por novidades oficiais sobre a versão 7.8 do sistema operacional. Pois elas chegaram — e elas não são tão boas assim: segundo o blog oficial do Windows Phone, você só poderá atualizar seu smartphone no começo de 2013.

A conta oficial do Windows Phone no Twitter já havia adiantado que a versão 7.8 chegaria no primeiro trimestre de 2013, mas agora é mesmo oficial.

O post também adianta algumas novas funções e características da atualização, mas nada muito além do que já sabíamos: home screen com Live Tiles redimensionáveis, mais cores para escolher para a interface (agora são 20), opção de mostrar na tela de espera a imagem do dia do Bing e senha alfanumérica para prevenir problemas com o Exchange.

Além disso, alguns apps estão sendo disponibilizados já para o 7.5 e outros chegarão em breve. OWords with Friends e o Draw Something já estão no Marketplace, e as versões Space e Star Wars do Angry Birds estão para chegar.

A Microsoft, no entanto, não menciona outras novidades para o sistema. Funções como o Internet Explorer 10 mais rápido, Lentes no app da câmera, Skype integrado ao sistema e outras devem ficar de fora.

O texto também fala que há a previsão de que alguns novos aparelhos com WP7.8 sejam lançados em muitos países, mas o foco será o baixo custo, para garantir “Windows Phones para todos os bolsos e necessidades”. Ou seja, ainda teremos novos aparelhos com WP 7.x, mas nenhum top de linha – estes rodarão Windows Phone 8.

Mesmo com o entusiasmo das palavras, não dá para esconder a decepção de só ter a atualização no ano que vem: isso fica bem claro nos comentários na página da Microsoft. Realmente, já são quase seis meses do anúncio do 7.8 e, nesse meio tempo, a Microsoft não havia revelado qualquer novidade. Os early adopters devem estar se sentindo um pouco abandonados: a Microsoft tinha que deixar o passado para ter chance nos smartphones… mas o 7.8 precisava demorar tanto? [Windows Phone Blog]

As novidades do Windows Phone 7.8 em vídeo

O Windows Phone 8 só está disponível em smartphones novos: quem comprou um Lumia 900, por exemplo, não pode atualizar para a nova plataforma. Para compensar os seus consumidores, a Microsoft prometeu o Windows Phone 7.8 em junho, mas pouco falou sobre ele desde então.

Felizmente, agora surgiram novas informações sobre os recursos do WP 7.8. De acordo com o WPCentral, a maioria das novidades será estética. No entanto, são mais novidades do que a Microsoft prometeu anteriormente.

O vídeo acima mostra o Lumia 510, desenvolvido para ser o smartphone de entrada da Nokia. Ele está rodando o Windows Phone 7.8, e nele podemos ver algumas de suas novidades.

Além da nova tela inicial com blocos redimensionáveis, o Windows Phone 7.8 deve ter novos ícones para o Xbox Games, Office e a Microsoft Store; novas cores para as tiles; nova tela dinâmica de bloqueio do Bing; e uma tela de boot que inclui o novo logotipo do Windows Phone 8.

Funções como o Internet Explorer 10 mais rápido, Lentes no app da câmera, Skype integrado ao sistema e outras devem ficar de fora. Além disso, apps feitos em código nativo (como Angry Birds Space) não rodam no Windows Phone 7.8.

Mas as fabricantes também poderão incluir algumas coisas. A Nokia, por exemplo, deve colocar nos seus aparelhos Lumia o compartilhamento de conteúdo multimídia via Bluetooth, mais opções de edição de ringtones e transferência de contatos atualizada com novos recursos.

E ainda há sinais de que o Windows Phone 7.8 não será a última atualização: o seu Nokia Lumia ou HTC Ultimate ainda deve receber ao menos mais um update no futuro.

Mas quando ele estará disponível? Ele deve ser lançado inicialmente na China (talvez por isso o vídeo vazado acima, em mandarim). No Brasil, a previsão oficial é que ele chegue no primeiro trimestre de 2013. Se você tem um Windows Phone rodando a versão 7.5, já sabe até quando esperar pela atualização. Só falta a Microsoft confirmar oficialmente todas as novidades.

As melhores ofertas digitais da Black Friday para iOS, Android, PC e Xbox

Promoções digitais da Black Friday 2012.

Promoções digitais da Black Friday 2012.

Todos ansiosos com a Black Friday,garimpando ofertas aqui no Brasil e fazendo alguns malabarismos para aproveitar as dos Estados Unidos. No meio dessas, existe uma área “mista”, que permite aproveitar descontos e promoções de (praticamente) qualquer lugar bastando ter uma conexão: conteúdo digital.

É bem provável que entre uma compra de conteúdo e outra você esbarre em restrições geográficas, mas ainda assim dá para aproveitar bastante coisa legal nessa sexta-feira do consumo. Separamos, neste post, as ofertas mais vantajosas aproveitáveis no Brasil. A maioria é formada por jogos, mas entre eles sempre pinta alguma coisa diversificada.

App Store

Pronto para perder horas de produtividade ou acelerar o tempo de espera em filas e consultórios? Então vamos lá.

A EA colocou 60 jogos em promoção na App Store. Tem coisa bem legal — Plants vs. Zombies, Scrabble, Dead Space, Burnout Crash e Mass Effect Infiltration, por exemplo — por US$ 0,99.

A Gameloft também entrou na onda, mas com bem menos jogos — apenas quatro. Pelo preço mínimo, até o dia 25 de novembro, estão à venda O Espetacular Homem-AranhaGangstar Rio: Ciudad de SantosRainbow Six: Shadow Vanguard e BackStab.

A Bulkypix também tem jogos em promoção de 40% a 75%, como Soldier vs AliensJazz: Trump’s Journey e Pix’n Love Rush Deluxe. A lista completa (são mais de 35 jogos!) está aqui.

Além de jogos, alguns apps estão com preços reduzidos. Confira a lista:

Google Play

No Google Play, as promoções também começaram, e listamos várias delas aqui. O site AppSales reúne as melhores, então fique de olho lá também. Há diversos jogos conhecidos em promoção, além de vários custando o mínimo de US$0,99:

Vários jogos da Gameloft também entraram na promoção, todos custando US$ 0,99: O Espetacular Homem-AranhaGangstar Rio: Cidade SantaBackStab; e As Aventuras de Tintin.

Temos vários apps com desconto também:

Amazon

A pedida na Amazon são filmes e livros. Há descontos interessantes que acabam viabilizando a compra de itens físicos mesmo com o frete. Quem tem um Kindle, ou o app instalado em algum dos vários dispositivos com suporte à plataforma, também pode aproveitar os ebooks — há um punhado, incluindo lançamentos recentes e best sellers.

Amazon.

Nesta página estão os filmes (DVD e Blu-ray) em promoção — não se esqueça, também, da Amazon do Reino Unido. Antes de colocar aqueles filmes e boxes (tem uns bem legais e a preços muito, mas muito mais baixos que no Brasil mesmo sem promoção), verifique se os títulos desejados possuem legenda em português. É bem simples: na página do filme, dê um Ctrl + F e procure por “subtitles”. Se tiver um “Portuguese” no meio, boa.

Se inglês não for problema para você, os livros e ebooks para Kindle são uma boa pedida. A lista que a Amazon compilou para ebooks é fraquinha, mas vários títulos fora dela, inclusive os que estão em promoção no formato tradicional (de papel), também estão com preços mais convidativos. E tem coisas bem legais, como o novo do vidente matemático Nate Silver, The Signal and the Noise: Why So Many Predictions Fail-but Some Don’t, o comentado Quiet: The Power of Introverts in a World That Can’t Stop Talking, de Susan Cain, e The Hunger Games, de Suzanne Collins, por US$ 1,95 na versão física.

Steam

Promoção de outono do Steam.

Ah Steam, como você é legal. É tanta promoção, tantas vezes por ano, e com descontos tão agressivos, que já nem tenho mais pressa de aproveitá-los todos. “Ah, no Natal cai de novo”, penso ao ver um jogo barato e, um segundo depois, a lista enorme dos que ainda sequer instalei.

Como sempre rola no Steam, boa parte do catálogo está em promoção, mas além dessas existem as diárias, com descontos ainda maiores. E retornando da última mega promoção (a de verão), as promoções relâmpago com seus prazos mais curtos e variáveis, farão você voltar à loja da Valve com mais regularidade.

É tanta coisa que fica difícil recomendar algo de cara. Logo que a promoção abriu, por exemplo, tinha XCOM: Enemy Unkown, que o Pedro analisou no Kotaku, por R$ 50, e o belíssimo e introspectivo Limbo por menos de R$ 5. A essa altura essas promoções talvez já tenham virado, mas elas servem só de exemplo. Vale uma garimpada bem boa pelos corredores virtuais do Steam.

Dicas: não compre de cara jogos que não estejam na promoção do dia ou nas promoções relâmpagos, mesmo que já tenham desconto. Se, por exemplo, um título estiver com 33%, ele “corre o risco” de figurar em uma dessas vitrines com descontos ainda maiores. Espere até que isso aconteça e, se no dia 26 não tiver rolado mesmo, aí sim compre com o desconto da semana. Outra dica boa: organize os jogos que você está de olho na lista de desejos que o próprio Steam fornece. Por algum estranho motivo os links para acessá-la estão sumidos desde a entrada da promoção de Black Friday, mas a URL continua funcional: http://steamcommunity.com/id/USERNAME/wishlist(substitua USERNAME pelo seu nome de usuário).

Nuuvem

A Nuuvem é uma loja brasileira de jogos para PC distribuídos via download. Até agora, só liberaram uma promoção — Sleeping Dogs por R$ 29,99 (antes, R$ 79,90). Mas eles estão prometendo “o Maior Black Friday de games do Mundo!” O que vem por aí? Pelo jeito, só amanhã saberemos.

Xbox LIVE

Xbox LIVE.

Se você usa a LIVE brasileira, más notícias: promoções fraquíssimas lhe esperam na rede online da Microsoft. São três jogos completos com destaque para Portal 2 (R$ 39, preço normal de R$ 79), e alguns da LIVE Arcade. A lista completa, a seguir:

  • UFC Personal Trainer: R$ 159 (antes, R$ 179)
  • Portal 2: R$ 39 (antes, R$ 79)
  • The Gunstringer: R$ 39 (antes, R$ 79)
  • Rock Band Blitz: 600 MS Points (antes, 1200 MS Points)
  • Spelunky: 600 MS Points (antes, 1200 MS Points)
  • Magic: the Gathering: Duels of the Planeswalkers 2013: 400 MS Points (antes, 800 MS Points)
  • South Park: Tenorman’s Revenge: 400 MS Points (antes, 1200 MS Points)
  • Space Channel 5 Part 2: 400 MS Points (antes, 800 MS Points)
  • I Am Alive: 800 MS Points (antes, 1200 MS Points)
  • Sega Vintage Collection: Monster World: 400 MS Points (antes, 1200 MS Points)

Na LIVE norte-americana há coisas mais interessantes, infelizmente indisponíveis na versão nacional. Por lá encontra-se Dead Island por US$ 20 (antes, US$ 30), UFC Undisputed 3 por US$ 30 (antes, US$ 40) e Daytona USA por 400 MS Points (antes, 800 MS Points). Hey, Daytona USA é divertido!

%d blogueiros gostam disto: